sábado, julho 07, 2007

Que passe depressa o momento...
Que se vá a dor de ver partir o ultimo veleiro
que leva os sonhos nas velas enfunadas,
que a chuva não lava, mas só molha com as lágrimas!

Que desapareça o tempo dos risos,
das casas de pedra nos vales e dos voos rasos do super-homem
nos meus olhos,
que caia a noite de uma vez só como se fossem os meus sonhos!

Que eu morra hoje antes de acordar
sorriso nos lábios, olhos fechados de bebe...
Que eu fique cega, surda e muda e nao sofra mais
porque não é este o destino de quem é...

Sou tudo o que os outros me chamam
sou tudo o que os outros me olham
sou tudo o que nao digo
sou tudo o que nao vejo
sou tudo o que perdi
e tudo o que nao perdi
sou gente e sou escrava e submissa e mulher
sou alma e sangue e lágrimas.

Dou-me em ondas de volupia e suspiros abafados,
espremo-me em látegos brandidos por raiva ou amor
mas a verdade é que toda eu sou feita de dor.

A dor de quem dá o que tem e nao recebe,
a dor de quem quer e nao tem,
a dor de quem gosta e nao pode
a dor de quem foi e já nao é.

Que passe depressa o momento...
Que alguma coisa ou alguem ou uma ideia de Deus
me arranque do peito o pranto e a saudade
porque eu sou menina perdida na flor da idade.

Ser o que sou e nada mais.
Para quem souber ser maior e dar-se
Ou para quem sabe que o Amor nunca é demais...


ML

4 comentários:

DOMINADOR1960 disse...

Sem Palavras.

Todas as frases e palavras, plenas de sentido e devoção.

Difícil ver algo tão profundo e sentido, revelado.

Sabe que se o quiser tem meu Ombro Amigo ao dispôr.

Um Beijo, Terno.

Metamorphosis disse...

O Amor nunca é demais:)

Beijinhos

DOMINADOR1960 disse...

À "laia " de resposta,e agradecimento, pelo que estas palavras me tocaram.

" NÃO DEIXES DE SER "

Que o momento se
enterneça.
E o último veleiro,
desfralde pano e cordame,retesado ao
vento!
Fazendo despontar na proa,
o Sol da vida, e
secar as lágrimas,
o tédio,
o vazio e a
Dor.

Que novamente se descubra o
riso!
A aura do
Amor, e da
beleza.
Que na névoa da íris,
desabroche;
infame e
glorioso,
Um novo Dia,
e cesse a
Noite!

Que pereça a Dor de
hoje; e
ontem.
Mas acorda,
abrindo os olhos,
dando enlevo a novos
Sonhos!
Sofrendo se o
mereceres,
por ti,
para ti,
por devoção,
por seres
destino!

Sê,
o que quiseres
ser.
Não mostres só
o que outros querem
ver.
Diz!
Vê!
Grita!
Rasga!
Por seres,
Gente;
Escrava,
mas acima de tudo,
MULHER.

Encerra nos painéis do
passado,
os suspiros,
e paixão idos.
Renasce,
qual Fênix
das cinzas, e
sê.
Por ti,
e para ti.
Sê,
Dor,
Amor,
Mulher,
Paixão.
Sê;
aquilo que,
quiseres
Ser,
mas,
Não deixes
de ser,
quem és.

MissLibido disse...

Muito obrigada a todos pelos incentivos e força. "Os Amigos são a família que escolhemos para nós..."

********