segunda-feira, outubro 29, 2007

A minha avó era Domme!


Mantive-me amiga do meu ex-marido desde a separação - há 9 anos.
O meu ex-marido sabe recentemente que sou praticante de BDSM!
E termos como sado-masoquismo, escravas e Donos não lhe são desconhecidos, através de mim...
Há meia hora atrás dizia-me "essa coisa do Dono é que não me entra; não digas isso, por favor...!"
E dei comigo a dizer-lhe que era só um termo, que um Dono era tipo um namorado mas com práticas sado-maso envolvidas.

Fiquei a pensar no que lhe disse.
Não sei bem se definir um Dono nesses termos a alguém exterior a este meio, dá ou não um tom perjurativo à questão, mas se pensar melhor um Dono (como o entendo) não deixa de ser um namorado, com quem se pratica sado-masoquismo (não necessariamente) e Dominação/submissão (quase sempre); talvez o que me escapou referir é que há igualmente total troca de Poder! Não sei se ele entenderia...
Mas a verdade é que muitos dos nossos avós e bisavós eram verdadeiros Donos das nossas avós, numa prática 24/7 for life em que a submissão era oferecida antes da Dominação ser sequer exigida.
Aliás, se remontarmos a um ou dois séculos atrás, as mulheres eram educadas para serem submissas e os homens Dominadores.

A minha avó materna era uma verdadeira Domme, sem práticas SM!
Viúva aos 39 anos com dois filhos menores, classe baixa, no tempo do pós Segunda Guerra, viu-se obrigada pela vida a Dominá-la e a todos à sua volta; mas não era apenas isso, ela era instintivamente Dominadora, apesar de quase ter cegado de tanto chorar quando o marido morreu - nunca saberei se por amor, por desespero, ou por sentir que a vida a tinha traído. Mas a verdade é que conseguiu manter a casa, dar boa educação e uma profissão a ambos os filhos e tornar-se funcionária pública, com a 4ª classe, num tempo em que nem todos eram admitidos pelo Antigo Regime.
Há Dominação e Dominação. E a minha mãe foi Dominada por ela até à sua morte, com mais de 80 anos, por uma mão e determinação férreas... Neste meio, associa-se Dominação imediatamente a SM e não é verdade...

Acho que falei bem ao meu ex-marido.
Um Dono é como um namorado, mas com práticas Sm e D/s.

4 comentários:

JoaoDeAviz disse...

personalidades dominantes e submissas sempre existiram, assim com sadicos e masoquistas.
Mas nao tem de ser sadico para dominar, ou masoquista para se submeter. Dominar e submeter se num ambiente S&M, em SSC, continua a ser uma especificidade do BDSM.
A proposito, muitas familias teem uma avo que " diz" a familia o que hao de fazer

[submissa]C disse...

Como nao podia deixar de ser, e para não variar, falaste muito bem !
Concordo contigo.
beijo grande
[submissa]C

linfoma_a-escrota disse...

adurava ter visto a cara de surpresa e incompreensão durante a conversa, há kem tenha nascido para pensar que nasceu para ser de certa forma, tudo é volátil



WWW.MOTORATASDEMARTE.BLOGSPOT.COM

Isabel Freire disse...

Querida Lu! Um texto muito interessante!!!
:)
Temos de falar.
Tenho andado a mil, para variar.
Beijinhos
Ifa