quinta-feira, setembro 20, 2007

Um post lindo - ordem do meu Dono...




O meu Dono ordenou-me que hoje postasse aqui algo "lindo"...

Decidi dar-lhe algo que, penso, o vai encantar.

Trata-se de um quadro de Paula Rego - de nome "Dogwoman"
A sua obra é reconhecida em todo o mundo. Paula Rego nasceu em Lisboa em 1935, estudou pintura em Londres e aí fixou residência desde 1976. Reconhecida internacionalmente, foi considerada, em Inglaterra, um dos quatro melhores pintores vivos do mundo. Pinta com os olhos de uma criança a devorar histórias antes do sono. “Desenvolveu uma imagem, dentro de si, daquilo que são pessoas vulgares. Foge aos padrões de beleza normais, criando figuras muito rudes”, diz a fadista Kátia Guerreiro.



"To be a dog woman is not necessarily to be downtrodden; that has very little to do with it. In these pictures every woman's a dog woman, not downtrodden, but powerful. To be bestial is good. It's physical. Eating, snarling, all activities to do with sensation are positive. To picture a woman as a dog is utterly believable."



"Ser uma mulher-cadela não significa necessariamente ser oprimida; tem muito pouco a ver com isso. Nessas imagens todas as mulheres são mulheres-cadelas não rejeitadas, mas poderosas. Ter bestialidade é bom. É físico. Comer, rosnar, todas as actividades que se relacionam com sensações são positivas. Visualizar uma mulher como uma cadela é absolutamente credível."

5 comentários:

katrina disse...

Confesso aqui a minha ignorancia pois nao conhecia este quadro de Paula Rego...

Será que ela a dar esse nome ao quadro saberia da sua ligaçao ao mundo do BDSM?

Fiquei curiosa...

Beijos e gostei do quadro sem duvida muito bom gosto ;)

DOMINADOR1960 disse...

Sou mais um apreciador de Artur Bual, contudo ninguém pode ficar "insensível" a Paula Rego.
Confesso que este é dos poucos quadros dela que me "arrepia" pela intensidade e emoção do traço.
Parabéns.
Sem dúvida uma óptima escolha e uma bela Prenda.

Um Beijo.

Lilith disse...

Paula Rego e Egon Schiele.

Master Anthony disse...

Gostei do quadro, que confesso a minha ignorância não conhecia.
Tenho a certeza que o teu Dono ficou feliz e deu a tarefa por cumprida.
Beijos.

Inês Ramos disse...

Arrepiante. Me likee...