sexta-feira, maio 06, 2005

- ONTEM -

"Por favor, não me deixes cair, pousa-me quando te fores embora! Por favor..." - pediu ela numa voz sumida de quem não se quer despedir.
E ele prometeu! E ela acreditou!
Virou o Mundo do avesso apenas porque acreditava; e não se desilude quem em nós acredita.
Ela transformou as coisas. As coisas floresceram. Criou novas flores, novas cores, novos cactos... Fez de tudo para o ajudar a crescer nessa ideia fantástica de cumplicidade imaculada. Derrubou medos e barreiras apenas porque ele acreditava nela. Foi feliz! E também o fez feliz no micro-segundo que o cérebro demora a tomar o lugar da emoção irreflectida...
Depois ele deixou-a cair!

3 comentários:

Vanderdecken disse...

Há lutos que têm que ser feitos, antes que o mundo avance...

Bodhisattva disse...

"Ela" está de parabéns, "Ela transformou as coisas. As coisas floresceram. Criou novas flores, novas cores, novos cactos" e fez sentir a quem por aqui passou tudo o ke escreveu neste blog.

um beijo.

Bodhisattva disse...

unknown AKA Bodhisattva :))