terça-feira, janeiro 11, 2005

Vem cá!

- Vem cá!
Ela foi em tímidos passos de concubina iniciada na vontade.... O Dom esticava uma mão aberta e ajudou-a a ajoelhar à sua frente. Ela tinha os olhos baixos e a boca entreaberta, como sabia ser a sua condição – submissa!
Ele mexeu-lhe no cabelo, depois de lhe pôr as mãos atrás das costas. Ela entrelaçou os dedos pelos nós, e não reagiu mais... Sentia-se calma e ansiava por agradar. Sentia-se... e isso era tudo. Os poros abertos, a respiração sob controle, a transpiração sem excessos, o sexo a latejar como o coração de um bebé antes de acordar. O cheiro! No ar, o cheiro profundo e virgem de quem se dá – ele e ela. A espera, em silêncio amachucado como um lenço mastigado na mão apertada. O silêncio que faz ouvir o vento contra a janela, o vidro que reflecte dois corpos num só. O Dom e a submissa – e a entrega. Poderosa combinação que tudo pode, porque tudo tem!....

2 comentários:

Anónimo disse...

Um Post pode muito bem ser a eternizaçao de um acto. Ou um quadro, posto em destaque na galeria dos eleitos. Saúde-se a entrega, porque só momentos tão completos merecem ser dados á estampa. Na verdade, muitos são os eleitos mas poucos os escolhidos.
Da

shortbow disse...

"o cheiro profundo e virgem de quem se dá – ele e ela"

poderoso o acto de dar! poderoso o acto de receber!, quem dá mais? quem recebe mais? o dom ou a sub? eu diria que os dois em iguais partes...

BDSM : uma maneira de dar e receber diferente, em que se dá quando se aceita e exige a entrega, em que se recebe quando se entrega...

eu exigo mais posts TEUS!!! :)) e entrego-me á tua criatividade:)))

beijos!!!!